quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Quando eu parar

A vida é um circo passageiro...
Me sinto em casa, mas sei que sou forasteiro

Imagino um mundo onde 
Cada um faz a sua parte,
sem divisão,é a humanidade  pela multiplicação da arte...
o importante não é rimar e sim participar,
A poesia é uma arte que todos podem fazer parte...

Na estrada da vida esperarei sempre o teu regresso
Por tu és quem me faz crescer
Mas não faz mal se você demorar
Eu sempre torci pelo seu sucesso
Mas quando voltares vamos comemorar
E eu vou sussurrar palavras no seu ouvido
Aquelas que irão te deixar sem ar
Ou quem sabe assim te fazer gaguejar
Uma arte que se reparte se propaga 
e assim esses versos vão mudar
e na mente de cada leitor vai se fixar...

Aqui irei finalizar
pois antes de dormir vou rezar...

pensando bem há algo no meu pensamento lento que me paralisa,
quero paz no mundo e na alma para curtir a vida
sentar em uma mesa de bar
e ver o sentido da vida em cada olhar
Os versos só acabarão quando a noite acabar
 e nos meus sonhos eu parar de pensar...

4 comentários:

  1. Assim espero :D hahahaha Exagerei um pouco :S
    Eu acho haha

    ResponderExcluir
  2. mano simplesmente foda, parabens e sucesso pra vc ai

    ResponderExcluir
  3. parabéns pelo texto! e sucesso com o blog :D

    ResponderExcluir